Ambiente de Homologação

Mulheres mostram representatividade em cargos diretivos no Corinthians

24/03/2020 11h00 Agência Corinthians

A- | A+


Edna Murad (Vice-Presidente) e Cristiane Gambaré (Diretora de Futebol Feminino) Foto: Arquivo Corinthians


Um dos assuntos mais abordados nesses últimos tempos é o empoderamento feminino. As mulheres estão a cada dia ocupando mais espaço na sociedade, quebrando tabus e conquistando trunfos, que antigamente eram dominados pelo mundo masculino, como o futebol, por exemplo.

O Corinthians atualmente tem uma equipe de futebol feminino, que vem mostrando muita força, ganhando holofotes e títulos importantes. Além disso também influenciou temas importantes como o #CaleOPreconceito e #RespeitaAsMinas, campanhas importantes, que ajudam a representar a luta das mulheres, ainda em um mundo tão machista.

No Brasil, o Timão foi um dos pioneiros a dar espaço para as mulheres, quando em 1991, Marlene Matheus (1936-2019), foi a primeira mulher a presidir um grande clube na história, fato que na época era uma grande conquista.

A atual gestão do clube conta com mulheres exercendo funções em cargos diretivos - casos da vice-presidente, Edna Murad, da Diretora de Futebol Feminino, Cristiane Gambaré e da coordenadora de Recursos Humanos, Fabiana Pereira.

Desde que assumiu o cargo, Edna se mantém sempre muito ativa dentro do clube, participando de muitos eventos e ações que acontecem, sendo uma das pessoas mais populares no Parque São Jorge.

“Não é fácil assumir essa responsabilidade de ser vice-presidente de um clube tão grande quanto o Corinthians, mas o fato de minha atuação ser bastante presencial ajudou positivamente", disse.

Já Cristiane Gambaré foi uma das responsáveis pelo renascimento do futebol feminino no Corinthians. Primeiro em 2015, com a parceria com o Audax, que rendeu o título da Copa do Brasil, em 2016, e da Copa Libertadores Feminina em 2017. A partir de 2018, já com time próprio, o Timão alcançou números muito relevantes, como o recorde mundial de invencibilidade (na época 28 vitórias consecutivas), alcançado em 2019, fato que entrou para o livro dos recordes (Guinness Book), invencibilidade que durou até o início de 2020, completando 48 jogos sem perder. Além de títulos como o Campeonato Brasileiro de 2018 e o bicampeonato da Libertadores, em 2019.

“Hoje, somos referência no assunto aqui no Brasil, principalmente pela revolução que mostramos em 2019. Conseguimos enraizar a modalidade aqui no clube e houve uma boa aceitação de modo geral. Ainda é um produto novo a ser lapidado e tenho certeza que daqui em diante é uma modalidade que só tem a crescer”, exaltou, Cristiane.

Outra mulher em cargo de liderança é Fabiana Pereira, coordenadora de Recursos Humanos. Responsável pela gestão e capacitação de colaboradores, ela também tem uma grande responsabilidade em suas mãos.

É muito claro que as mulheres estão ganhando cada vez mais destaque nas funções que exercem, mesmo que ainda seja muito aquém do que merecem. Porém é muito válido salientar esse protagonismo que cresce cada vez mais. O mundo precisa estar cada vez mais atento a essa temática, o feminismo deve ser uma causa de todos e não uma guerra entre gêneros.


Tags: Clube, Notícias

Categoria(s): Clube